04/05/2023 às 04:11h
Pela primeira vez na história do município a prefeitura de colíder realiza castração de cães e gatos resgatados das ruas por voluntários e ongs.

Neste primeiro momento 26 animais, que moram em lares provisórios, serão os primeiros a receber o tratamento clínico, mas a meta definida em reunião com o Prefeito Hemerson Máximo (Maninho) é realizar mais de 200 castrações até o fim deste ano. Após o procedimento, os animais ficarão disponíveis para adoção responsável por quem desejar adotar.

Segundo a assessora jurídica do município e voluntária de causas sociais Dra. Francislaine de Almeida, o início das castrações é um marco para Colíder. “Uma data muito importante, sendo uma iniciativa da Prefeitura de Colíder cujo objetivo é controlar a superlotação de animais nas ruas da cidade, e nos lares provisórios com incentivo à adoção responsável”, disse. 

O Prefeito Maninho destacou a importância desta ação para a saúde pública do município. “A castração de animais é uma medida importante para promover a saúde pública e o bem-estar desses animais resgatados por voluntários e pelas ONGs que têm realizado um importante trabalho em nossa sociedade, e a ação vem  para garantir a segurança e a saúde da população e dos animais”, afirmou o Prefeito.

Feliz por estar participando desse projeto, o médico veterinário responsável pelas cirurgias Dr. Lucas Fernando, parabenizou a gestão municipal e destacou os benefícios da castração para os animais e para o município. “A castração além de pensarmos na saúde do Pet temos como importância o controle populacional, com a redução da população de animais nas ruas, diminui-se também o risco de doenças transmitidas por eles, além de acidentes, então parabenizamos ao Prefeito pela iniciativa e por estar atendendo as demanda das ONGs e voluntários das causas animais”, afirmou o veterinário.

É importante ressaltar que o abandono de animais em vias públicas é considerado crime e pode resultar em multas e até mesmo em prisão. Por isso, a castração é uma medida fundamental para o controle dos animais nas ruas e para prevenir o abandono e os maus tratos.

“Não abandone animais em vias públicas, procure sempre se tem algum vizinho ou amigo que queira adotar, o abandono além de trazer problemas para a saúde das pessoas e também de outros animais, é um problema muito grave, então fica o alerta e o apelo: não ao abandono de animais! Maus tratos é crime e quem for denunciado praticando esse crime está sujeito a responder judicialmente” alertou a assessora jurídica.

Espalhe por ai:
Link:
Esportes
ESPORTEFUTEBOL
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2024 - Grupo Nova Visão de Comunicação -CNPJ 07.296.611/0001-78 - Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121