30/07/2020 às 09:11h
Moraes manda Twitter bloquear contas de investigados no STF
TWITTER BLOQUEADO
Renato Souza

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que o Twitter bloqueie, em escala global, as contas de investigados no inquérito aberto pela para investigar ataques e fake news contra a Corte e seus integrantes. O magistrado ampliou uma decisão anterior, tomada após reportagem do Correio, que concedia prazo e determinava multa para que os perfis fossem suspensos para acesso em território nacional.

A rede social cumpriu a primeira decisão. No entanto, os investigados mudaram a descrição do país em que estavam, para burlar o bloqueio e voltar com a atividade das contas. Em novo despacho, Moraes determinou que a decisão anterior fosse cumprida integralmente, ou seja, que o acesso fosse impedido as contas citadas no inquérito.

Entre os alvos da investigação, e que tiveram os perfis suspensos, está o blogueiro Allan dos Santos, o ex-deputado Roberto Jefferson, o empresário Luciano Hang, e a ativista Sara Giromini. Na primeira decisão, emitida em maio deste ano, Moraes afirmou que “as diligências iniciais, descritas nos autos especialmente na decisão datada de 26 de maio de 2020, indicam possível existência de uso organizado de ferramentas de informática, notadamente contas em redes sociais, para criar, divulgar e disseminar informações falsas ou aptas a lesar as instituições do Estado de Direito, notadamente o Supremo Tribunal Federal”.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2020 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121