29/04/2020 às 11:35h
Setor de combustíveis tem queda de 40% na arrecadação, afirma Sefaz

O setor de combustíveis foi um dos que mais sofreu com a queda na arrecadação entre 20 e 24 de abril, segundo levantamento da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz). Em Mato Grosso, a redução no faturamento tributáveis chegou a 23%.  Com 6 semanas de distanciamento social e redução da atividade econômica, a arrecadação do Estado caiu na maioria dos setores.

 

Além dos combustíveis, houve queda no faturamento do atacado (-42%), varejo (-18%) e na venda de veículos (-32%). Já os serviços de alimentação em bares e restaurantes teve uma queda de 40% na semana de análise.


“Com essas seis semanas de combate ao coronavírus, o Governo não poupou recursos e está ampliando em 210 novos leitos no hospital metropolitano. Mas já perdemos mais de 100 milhões nesse mês de março e devemos perder em torno de 250 milhões no mês de maio. Precisamos do socorro federal que está sendo debatido no Senado neste momento”, explicou o secretário de Fazenda, Rogério Gallo.

 

Comparado com a média diária nos meses de janeiro e fevereiro de 2020, antes da pandemia da covid-19, foram faturados diariamente em torno de R$ 304 milhões a menos. O percentual alcançado é maior que o período anterior, de 13 a 17 de abril, cuja queda foi de 19%. (Com informações da assessoria)


Fonte: Gazeta Digital

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2020 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121