08/04/2020 às 10:59h
Assaltantes são presos após invadir casa de médico e fugir com joias e R$ 6 mil

Jovem de 22 anos foi preso e um menor de 17 anos apreendido suspeitos de terem cometido um roubo na casa de um médico, na última segunda-feira (6), em Juína. Uma quantia de R$ 6 mil e joias levadas na ação foram recuperadas durante a diligência policial. 

 

De acordo com as informações da Polícia Civil, o crime ocorreu na tarde de segunda, em uma casa no bairro Módulo 04. Os moradores, um casal de médicos, foram surpreendidos e rendidos por três homens armados e encapuzados, que anunciaram o assalto.


As vítimas foram obrigadas a entregar dinheiro e joias que estavam no cofre da casa e depois foram trancadas no banheiro. Em seguida, os criminosos reviraram a residência e roubaram diversos produtos, como quatro bicicletas, garrafas de bebidas alcoólicas destiladas, entre outros.

 

Logo que acionados, os policiais civis iniciaram as diligências para apurar a ocorrência, conseguindo, com análise da cena do crime e indícios colhidos, identificar um possível suspeito. A equipe foi até a casa do rapaz, já conhecido pela polícia, no bairro Verdan.

 

Assim que os investigadores se aproximaram do local, identificaram cinco jovens no fundo da casa, que ao perceberem a presença da polícia, correram para uma área de mata e brejo nas proximidades.

 

Imediatamente, os policiais civis seguiram atrás dos suspeitos e abordaram o dono da casa, de 22 anos, e o menor de 17 anos. No bolso e na cueca do adolescente foram encontrados R$ 6 mil em dinheiro, além de uma corrente dourada.

 

Ainda em meio à mata, os investigadores apreenderam outra quantidade de dinheiro, provavelmente jogada pelos suspeitos durante a fuga, e mais as quatro bicicletas, documentos, joias, entre outros produtos provenientes do roubo. Ainda no interior da casa do jovem preso também foram recuperadas mais dinheiro em reais, dólares e euros. 

 

Diante das evidências, os dois envolvidos foram levados para a Delegacia de Polícia de Juína, onde foram interrogados pelo delegado Carlos Francisco de Moraes. O Conselho Tutelar foi acionado para acompanhar o procedimento instaurado contra o adolescente, apreendido por ato infracional.

 

 

O suspeito de 22 anos foi autuado em flagrante por roubo, associação criminosa e corrupção de menores. Já o segundo envolvido, um adolescente de 17 anos, foi autuado por ato infracional análogo aos crimes de roubo e associação criminosa. (Com informações da Assessoria de Imprensa).


Fonte: Gazeta Digital

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2020 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121