26/03/2020 às 12:16h
Fala de Bolsonaro não mudará regras de isolamento em MT

Por conta das declarações do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) feito na noite desta terça-feira (24), que pediu a “volta à normalidade” e o “fim do confinamento em massa”, muitas empresas já pensam em retomar as atividades presenciais. Contudo, o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, alertou que enquanto houver lei municipal ou estadual proibindo a abertura dos estabelecimentos, essas regras devem ser cumpridas.

 

“Aqui tem lei, se estiver vigente no município, se estiver vigente pelo governo do Estado, as empresas estarão obrigadas a cumprir. Não é uma fala, um discurso do presidente que do dia para a noite muda tudo. Nós estamos seguindo as premissas estabelecidas pelo Ministério da Saúde, que tem um ministro que nós acreditamos e confiamos. Enquanto essa determinação continuar, nós continuaremos seguimos as orientações do Ministério da Saúde”, pontuou.


Em coletiva de imprensa virtual realizada na tarde desta quarta-feira (24), Gilberto disse que se Mato Grosso não tivesse adotado o isolamento social como forma de prevenção ao coronavírus o número de casos muito maior. Hoje, Mato Grosso registra 326 casos suspeitos e 9 confirmados. “A receita ainda é a mesma, quanto menos pessoas tiverem circulando, com mais isolamento social, nós vamos ter um menor número de casos confirmados e de casos graves. Portanto, nós não mudamos a nossa recomendação. Aqueles que puderem, fiquem em casa”, disse.

 

Questionado sobre a possibilidade de flexibilizar as medidas impostas à população, o secretário informou o Estado fez até o momento o que avaliou ser necessário. “Pode ir flexibilizando as medidas de acordo com os eventos conforme forem acontecendo ou pode, inclusive, adotar medidas mais enérgicas se o vírus, se a contaminação começar em alta escala, num ritmo muito mais acentuado daquilo que é previsto”.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2020 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121