17/03/2020 às 10:20h
Após atropelar sambista, suspeito bateu em casa na fuga

Vitória Lopes

[email protected]

Reprodução/Facebook

Reprodução/Facebook

A Delegacia de Delitos e Trânsito (Deletran) identificou o possível suspeito de ter batido na motocicleta do sambista Carlos Eduardo de Avela, morto na madrugada de sábado (14), na avenida dos Trabalhadores.


De acordo com o delegado Wagner Bassi, o suspeito ainda não foi localizado após o acidente. Por conta disso, a identificação do motorista segue sob sigilo. No entanto, a polícia continua em diligências.


Informações dão conta que o motorista de um Fiat Argo bateu na vítima, que estava em uma moto, por volta das 3h. Além disso, Carlos Eduardo teria sido arremessado a cerca de 20 metros.


Ainda conforme as investigações, o motorista fugiu do acidente de trânsito. Contudo, durante a fuga, ele acabou batendo o carro novamente, desta vez em uma residência.


O carro foi encontrado próximo ao local onde o sambista foi atingido. O suspeito, porém, não estava no local.


O caso
Conhecido do público cuiabano, como Kaka Avela, o bacharel em Direito e sambista, Carlos Eduardo de Avela, morreu na madrugada deste sábado (14), na avenida dos Trabalhadores em Cuiabá, vítima de acidente de trânsito.


Centenas de amigos do músico estão lamentando a sua morte nas redes sociais. O músico tinha 41 anos e deixa filhos. Segundo informações, Kaka tinha deixado minutos antes uma casa de shows em Cuiabá. Durante a noite, chegou a tirar selfies com amigos.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2020 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121