21/10/2019 às 05:46h
Homem é preso suspeito de escravizar sexualmente mais de 170 mulheres
A polícia de Minas Gerais prendeu um homem de 32 anos suspeito de enganar e escravizar sexualmente mais de 170 mulheres em pelo menos 11 estados e do Distrito Federal.

O mineiro Roney Schelb foi preso em Juatuba, na Região Metropolitana de BH, no último dia 11 de outubro. De acordo com a polícia, ele criava perfis falsos em redes sociais dizendo ser um ‘sugar daddy’ e prometia pagar entre R$ 4 mil a R$ 10 mil por fotos íntimas.

Ainda segundo a polícia, Roney chantageava as mulheres, que eram violentadas e obrigadas a fazer sexo com animais.

Reportagem do programa “Fantástico” desde domingo, 20, revela ainda que Roney era líder em um grupo de jovens da Renovação Carismática de uma igreja católica na cidade de Muriaé, na zona da Mata Mineira.

A investigação começou depois que uma das mulheres decidiu procurar a Delegacia de Crimes Cibernéticos. Na casa de Roney, os policiais encontraram um arquivo no computador detalhado com todas as informações das vítimas, entre elas oito menores.

Roney vai responder por diversos crimes de estupro e violação sexual mediante fraude.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2019 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121