13/08/2019 às 11:43h
Receita de cueca virada caseira
Receita de cueca virada caseira | Grostoli© Eline Prando Receita de cueca virada caseira | Grostoli

Grostoli, cueca virada, orelha de gato, cavaco e assim por diante. Essa massinha adocicada, frita e polvilhada com açúcar e canela leva um nome em cada região e tem uma legião de apaixonados. Depois de anos sem fazer, resgatei com a minha mãe essa receita que era figurinha repetida na nossa casa durante a infância e todos colocavam a mão na massa para ajudar a fazer. E agora é hora de compartilhar com vocês a minha Receita de cueca virada caseira, que tem muito sabor de infância.

Há alguns dias fui cobrada pela minha prima, a Maria Elvira entrou no blog buscando uma receita de cueca virada e descobriu que não tinha nenhuma. A cobrança dela era justíssima, afinal de contas essa receita é um clássico das famílias de descendentes de italianos e merecia sim estar no blog.

   Receita de cueca virada caseira | Grostoli© Eline Prando Receita de cueca virada caseira | Grostoli


Quando falei com a minha mãe para resgatar a receita, recebi uma foto do papel que deve ter mais de 30 anos, escrito com a letra dela, já manchado pelo tempo e pelas idas à cozinha, o nome original da receita estava como Grostoli de nata da Rejane, que é minha prima e passou essa receita para a minha família. Contei isso tudo para que vocês entendam o quanto essa receita faz parte da minha vida e tem sabor de infância.

 

Guarde a massa na geladeira e tenha grostolis novinhos

Essa massa pode ficar até uma semana na geladeira, então você pode abrir a massa necessária para fritar e ter cuecas viradas fresquinhas a cada dia.

Rendimento: 80 unidades
Ingredientes:
  • 3 ovos
  • ½ xícara de leite
  • ½ xícara de nata
  • 1 colher (sopa) de óleo
  • 1 colher (chá) de extrato de baunilha
  • 1 pitada pequena de sal
  • 1 xícara de açúcar
  • 1 colher (chá) de fermento químico
  • 1 colher (chá) de fermento biológico seco
  • 7 xícaras de farinha (aproximadamente)
  • Óleo para fritar
  • Açúcar e canela para polvilhar
© Eline Prando

Modo de fazer:

  1. Em uma tigela grande coloque os ovos e bata ligeiramente.
  2. Adicione o leite, a nata, o óleo, o extrato de baunilha e o sal. Misture os ingredientes usando um fouet ou um garfo.
  3. Acrescente os dois fermentos e misture.
  4. Comece a adicionar a farinha aos poucos, misturando com a mão até obter uma massa parecida com a de pão, ela não pode grudar muito das mãos. A quantidade de farinha pode variar um pouco.
  5. Coloque a massa sobre a bancada e sove por aproximadamente 5 minutos para que ela fique lisa.
  6. Coloque a massa de volta na tigela e cubra com um pano e deixe descansando por aproximadamente uma hora em local fechado.
  7. Polvilhe farinha sobre a bancada, pegue um pedaço de massa e abra usando um rolo, polvilhe farinha quando necessário. A massa deve ficar com aproximadamente 3 mm ou 4 mm.
  8. Corte a massa em retângulos de aproximadamente 9 cm x 4 cm e faça um pequeno corte no centro de cada pedaço. Algumas pessoas cortam em formato de losango, faça como preferir.
  9. Depois disso, passe uma extremidade por dentro do corte.
  10. Acomode as cuecas viradas já modeladas sobre de um pano ou em uma bancada enfarinhada. Mantenha-as cobertas com um pano para que não ressequem.
  11. Repita o processo até ter transformado toda a massa em cuecas viradas e deixe-as descansar por uns 15 minutos.
  12. Agora é hora de fritar os grostoli, os primeiros que foram modelados, serão os primeiros a serem fritos, assim eles terão descansado e crescido um pouco.
  13. Leve ao fogo uma panela com óleo, assim que ele estiver quente, comece a fritar as cuecas viradas, elas devem ficar bem douradas de um lado, então vire até que o outro lado esteja dourado.
  14. Deixe-as escorrendo sobre uma gradinha ou sobre papel toalha.
  15. Em uma tigela grande misture açúcar e canela, coloque os grostolis na bacia e envolva-os com a mistura.
  16. Depois que estiverem completamente frios, guarde-os em um vidro bem fechado.
© Eline Prando

Como posso substituir a nata? 

O ideal é usar nata, mas como em muitas cidades é difícil de encontrar esse ingrediente, você pode substituir por creme de leite. Se possível, opte pelo creme de leite fresco.

  
© Fornecido por Eline Prando

Qual o rendimento dessa receita?

A receita acima equivale a meia receita original e rendeu aproximadamente 80 cuecas viradas. Claro que a quantidade vai variar de acordo com o tamanho dos seus retângulos. Então se você vai fazer para poucas pessoas, pode cortar a receita pela metade.

    

Posso fazer as cuecas virada assadas?

Até pode, mas o resultado vai ficar muito, mas muito diferente. Alguma receitas nasceram para serem fritas e infelizmente, mudar o método de preparo vai afetar a qualidade final. 

 

Posso congelar as cuecas viradas?

Sim, depois de prontas você pode congelar. Você pode descongelá-las em temperatura ambiente ou com alguns segundos no microondas.

Receita de cueca virada caseira | Grostoli© Eline Prando Receita de cueca virada caseira | Grostoli
Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2019 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121