07/05/2019 às 01:48h
Juiz acata pedido de habeas corpus e manda soltar suspeita de matar amiga a facada

Cuiabá, MT - Daffiny Delgado

O juiz Wagner Plaza Machado Junior, da 1ª Vara Criminal acatou o pedido de habeas corpus da defesa de Aldirene da Silva Santana, de 26 anos, colocando-a em liberdade na última quinta-feira (2). Ela é suspeita de assassinar a amiga Fernanda Souza, de 22 anos, com uma facada no coração.

Fernanda foi morta no dia (26) de fevereiro, em uma quitinete no bairro Jardim Paulista, em Rondonópolis.

Conforme o boletim de ocorrência registrado no dia do crime, Fernanda teria ido até a casa da suspeita, acompanhada de outra amiga, identificada como Janaina Pereira Rossetti, de 34 anos, com intuito de tomar satisfação, pois, supostamente, Aldirene teria espalhado boatos sobre a vítima, na cidade.

Na ocasião, as três mulheres passaram a discutir. Durante a confusão, Fernanda foi esfaqueada na região do tórax e morreu.

Janaina é uma das testemunhas de acusação no processo, e ela conta que foi Aldirene quem matou a vítima.

Aldirene estava presa na cadeia feminina de Rondonópolis desde o dia 1º de Março. Agora ela vai continuar respondendo ao processo em liberdade.

No entanto, terá que cumprir algumas medidas cautelares, como não se ausentar da cidade, comparecer a todos os atos do processo e informar as atividades civis junto ao fórum da comarca.

Espalhe por ai:
Link:
Esportes
ESPORTEFUTEBOL
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2020 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121