06/05/2019 às 01:56h
Ibovespa abre o dia em queda com guerra comercial entre EUA e China

Bolsas de países asiáticos e europeus passaram a segunda-feira no vermelho, após Trump anunciar novas tarifas de importação para produtos chineses


Bovespa segue tendência de bolsas do exterior

Bovespa segue tendência de bolsas do exterior

Paulo Whitaker/Reuters - 29.10.2018

A bolsa brasileira abriu esta segunda-feira (6) em queda, puxada pelo pessimismo que tomou conta do mercado de capitais em outros países com o anúncio de novas tarifas de importação dos Estados Unidos para produtos chineses.

O principal índice da B3, o Ibovespa, começou o pregão em baixa de mais de 1,3%.

No cenário interno, investidores aguardam com cautela a tramitação da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados.

As bolsas asiáticas fecharam o pregão desta segunda-feira no vermelho. Na China, foi a pior queda dos índices em mais de três anos, quando começaram as disputas comerciais entre Washington e Pequim.

No domingo (5), o presidente dos EUA, Donald Trump, surpreendeu ao anunciar, no Twitter, novas taxações de produtos importados da China. As tarifas podem atingir um volume de US$ 200 bilhões em importações. 

Os mercados europeus também reagiam mal ao longo do dia. O principal índice da bolsa francesa, o CAC 40, caía 1,93% faltando menos de 3 horas para o fechamento do pregão.

O Euronext 100, que reúne ações de empresas de vários países da Europa, 1,65%. O DAX, da bolsa de Frankfurt, registrava queda de 1,84%.

Em Londres, devido ao feriado bancário, a bolsa não operou nesta segunda.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2019 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121