29/01/2019 às 11:02h
Sonhando com a seleção, Rodriguinho chega confiante ao Cruzeiro: 'Esse grupo pode vencer a Libertadores'
Rodriguinho chegou ao Cruzeiro. O meia, que estava no Pyramids, do Egito, se apresentou oficialmente ao novo clube nesta terça-feira. Além de lamentar sua tumultuada passagem pelo seu último time, o jogador mostrou extrema confiança em um ano de conquistas e, quem sabe, retornar à seleção brasileira, para onde foi convocado algumas vezes enquanto ainda atuava no Corinthians.

"O Cruzeiro é um time que tem uma vitrine muito grande. Prova é o Dedé, que está na seleção", iniciou. "Se eu ajudar os meus companheiros, ser importante e decisivo, isso que vai me credenciar a voltar a sonhar com a seleção brasileira".

Isso, com certeza, foi um diferencial para Rodriguinho, que admitiu abrir mão de bastante dinheiro para acertar com o clube e deixar o Egito, onde passou por uma experiência bem diferente do que ele imaginava. "Foi uma situação bem complicada. Apostei num projeto que tinha um treinador brasileiro. Me adaptaria muito mais fácil. Ele colocaria as ideias dele para nos fortalecer, mas acabou dando tudo errado. Um mês que estava lá, o treinador foi mandado embora e isso complicou bastante a nossa vida. E o futebol não é aquele alto nível que a gente está acostumado no Brasil. Então eu decidi que não era satisfatório para mim ficar lá apesar que o dinheiro era muito alto, mas abri mão de tudo isso para poder voltar a ser feliz".

E se agora ele é jogador do Cruzeiro, onde vestirá a camisa 23, isso se deve muito a um ex-companheiro de Rodriguinho. "Quando surgiu a hipótese de vestir essa camisa, liguei pro Edílson e ele me falou super bem do ambiente. Coisas que eu via de fora, mas que não estava aqui dentro para saber. Ele me passou informações valiosas de grupo, de ambição, qual era a ideia de todos. Sem dúvida é um time que tem todas as qualidades para vencer a Libertadores, que é o objetivo inicial. E caso a gente consiga, queremos também o Mundial. A gente sabe como é difícil, mas vamos tentar. Vamos brigar por todos esses campeonatos que a gente disputar", disse o otimista meia.

E apesar de querer estrear no clube o quanto antes, Rodriguinho, que jogou poucas partidas desde que deixou o Corinthians, sabe que ainda deve demorar para conseguir isso. "Minha vontade é de entrar em campo na quinta-feira, mas sabemos que primeiro temos que passar pela preparação física e ver tudo certinho, porque essa preparação inicial é importante o ano todo", completou.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2019 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121