23/01/2019 às 09:30h
Neymar sai machucado, mas PSG vence e avança na Copa da França

© Fornecido por Fundação Cásper Líbero
Paris Saint-Germain foi econômico, mas venceu e está nas oitavas da Copa da França. Jogando no Parque dos Príncipes, pela segunda fase da competição, a equipe de Thomas Tuchel dominou o Strasbourg por completo, mas cansou de desperdiçar oportunidades e venceu por ‘apenas” 2 a 0, com gols de Di María e Cavani. A notícia negativa, entretanto, ficou por conta da lesão de Neymar.

Bastante participativo, o brasileiro comandou as ações ofensivas dos mandantes até os 15 minutos do segundo tempo, quando torceu o tornozelo direito e pediu para ser substituído. Aparentemente chorando, o camisa 10 deixou o gramado direto para os vestiários. Assim, preocupa o PSG para o duelo diante do Manchester United, dia 12 de fevereiro, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

Agora, o Paris Saint-Germain espera o vencedor de Nantes e Sannois para saber quem enfrentará nas oitavas de final da Copa da França. Inicialmente marcado para essa quarta-feira, o confronto foi adiado para o próximo domingo por conta do desaparecimento do avião que levava o atacante Emiliano Sala.

PSG pressiona, mas falta de pontaria e arqueiro impedem vantagem maior

Buscando uma pressão inicial, o Paris Saint-Germain abriu o placar logo aos três minutos de jogo. Thiago Silva acionou Choupo Moting, que dominou no peito e tocou em profundidade para Cavani. O uruguaio chegou batendo de primeira, chapado, com o pé direito, para marcar.

Mesmo após sair atrás no começo da partida, o Strasbourg não buscou atacar e decidiu por manter sua postura retraída. Com dificuldades para furar o bloqueio do adversário, que sequer ameaçava ofensivamente, os donos da casa só voltaram a ameaçar aos 28 minutos, quando Neymar cobrou falta no ângulo, obrigando Sels a fazer ótima intervenção.

Na reta final da primeira etapa, o Strasbourg optou por adiantar as linhas e se aventurar no ataque, proporcionando espaços para o PSG construir boas chances, três delas concluídas por Neymar, que, com a pontaria desafinada, sequer forçou nova defesa de Sels. O goleiro, no entanto, voltou a demonstrar todo seu reflexo em ótima cabeçada de Cavani.

Ainda houve tempo para os parisienses carimbarem a trave na primeira etapa. Neymar tabelou com Cavani e bateu rasteiro para Sels espalmar. No rebote, o arqueiro, já vencido, viu Di María finalizar e carimbar o poste direito.

Neymar deixa campo machucado, mas parisienses ampliam

© Fornecido por Fundação Cásper Líbero

O domínio parisiense seguiu na segunda etapa, e, no maior estilo lance de videogame, Neymar levantou os torcedores presentes no Parque dos Príncipes. O camisa 10 deu uma lambreta no adversário, chapéu de cabeça em outro e arrematou, mas a bola caprichosamente passou rente à trave.

Na sequência, contudo, o brasileiro sentiu dores no pé direito, mas seguiu na partida. Depois de alguns instantes, o incômodo no local venceu o astro, que pediu para ser substituído por Thomas Tuchel. Chorando, o brasileiro foi direto para os vestiários.

Apesar de perder Neymar, o Paris Saint-Germain chegou ao segundo gol com Di María aos 34 minutos. Draxler avançou e cruzou na medida para o argentino, que apenas escorou para as redes e decretou a vitória dos donos da casa por 2 a 0.

Confira as partidas desta quinta-feira pela Copa da França, respeitando o horário de Brasília:

15h Bastia x Noisy-le-Grand

15h Vitre x Le Havre

18h Amiens x Lyon

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2019 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121