20/10/2018 às 10:34h
Cuiabano é decapitado após trocar a facção Comando Vermelho pelo PCC
GD

Reprodução

Reprodução

Márcio Lucas Preza Libanio, 21, foi assassinado com vários tiros e ainda decapitado na quarta-feira (17), em uma área de Corumbá (MS). 

 

De acordo com informações do delegado titular do 1 Distrito Policial, Sam Suzumura, a motivação do crime seria porque a vítima fazia parte da facção criminosa Comando Vermelho (CV) e teria 'migrado' para a facção rival,  Primeiro Comando da Capital (PCC).


 

Caso foi registrado por volta das 12h, quando os moradores ligaram na delegacia para informar que ouviram tiros na região. Porém, o corpo foi localizado às 16h.

 

A vítima foi reconhecida pela tia dele onde morava na casa dela há pelo menos 3 meses.

Márcio havia desaparecido desde terça-feira (16), quando falou para a tia que voltaria em minutos depois.

 

O corpo foi levado para o Instituto de Medicina e Odontologia Legal (IMOL).

Caso é investigado.

 

(Com informações do Diário Corumbaense).

 

Outro caso

 

Na última terça-feira (16), traficantes de Mato Grosso foram executados dentro de unidade prisional de Mato Grosso do Sul e a Polícia Civil investiga se há relação entre as mortes.

 

As vítimas foram identificadas como Elizeu Ribeiro de Jesus, 25, e Heverton Guimaraes Santana, 30. Todos eram moradores de Várzea Grande. Os corpos foram localizados em celas distintas do Presídio de Trânsito de Campo Grande.

Segundo as informações do Jornal A Gazeta Elizeu foi morto por estrangulamento, dentro da cela 6 e Diogo Guilherme da Silva Firmino, 22, confessou o crime. Alegou que a motivação seria uma briga por causa do volume alto da televisão.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2018 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121