14/10/2018 às 11:07h
Após morte de índio, Força Nacional chega a base da Funai atacada por grupo em MT

Jair Candor/Funai

Kawahiva do Rio Pardo

Foto tirada em 2015 mostra terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo, localizada em Colniza

Policiais da Força Nacional chegaram a base de proteção a indígenas isolados da Funai, localizada em Colniza (1.065 km de Cuiabá), para fazer a segurança do local, que sofreu um ataque na noite de quarta (10). Um indígena morreu e outro ficou ferido com dois disparos. O nome deles não foi divulgado.

A Polícia Federal esteve na cidade, fez a perícia do local e já liberou o corpo do índio morto no confronto. A Força Nacional faz segurança na área. No momento, a região está tranquila e não há indícios de novos confrontos. O índio atingido, que foi encaminhado para o Hospital de Juína, foi atingido com dois tiros no abdômen. O quadro de saúde dele seria estável.

O Ministério Público Federal em Mato Grosso (MPF), por meio de sua unidade em Juína, informou que instaurou um procedimento investigatório criminal para apurar o conflito entre um grupo de índios e madeireiros que atacaram a base de proteção a indígenas.

De acordo com as informações que chegaram até o MPF, um grupo de homens, entre eles indígenas e madeireiros teriam ido até a base da Funai de proteção aos índios isolados da terra indígena Kawahiva do Rio Pardo. Em seguida, teria ocorrido um tiroteio, resultando na morte de uma pessoa.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2018 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121