04/07/2018 às 10:38h
Maradona critica árbitro e diz que Colômbia foi roubada nas oitavas de final da Copa

O ex-jogador Diego Maradona afirmou nesta quarta-feira que a seleção colombiana foi vítima de um "roubo monumental", na partida em que foi eliminada pela Inglaterra nas oitavas de final da Copa do Mundo, após ser derrotada nos pênaltis. Durante o programa "De la mano del Diez", transmitido pela emissora de TV venezuelana "TeleSUR", Maradona criticou a Fifa e a escolha pelo árbitro americano Mark Geiger, e disse que não existiu o pênalti que foi convertido por Harry Kane, abrindo o placar.

"Hoje, vi um roubo monumental em campo. Peço desculpas a todo o povo colombiano, mas os jogadores não têm culpa. Este juiz não pode apitar uma partida de uma magnitude dessas nas oitavas de final", disse.

O ídolo argentino alegou que no lance do pênalti em Kane, o jogador inglês teria empurrado o colombiano Carlos Sánchez.

"Não foi pênalti, foi falta de Kane. Não há critérios. Por que não pediram o recurso do VAR?", questionou.

Apesar de ter sido convidado pela Fifa para estar presente na Copa como parte do grupo de "lendas" da competição, Maradona não poupou críticas à entidade.

"Colocar um árbitro americano me pareceu curioso. Me deixa muitas dúvidas. Um árbitro que só falava inglês, não sei, certa parcialidade havia com certeza. Eu, como capitão das lendas, digo que não pode ficar assim, é um erro fatal para todo um país. Isso importa para um povo que hoje tinha esperanças de que seria algo transparente", lamentou.

Veja a chave das quartas de final da Copa do Mundo da Rússia
Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2018 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121