23/05/2018 às 04:56h
Professora morre com suspeita de gripe H1H1 em Primavera do Leste
Primavera do Leste

Celly Silva, repórter do GD


A professora da rede municipal de Primavera do Leste (231 Km a Leste de Cuiabá) Liane Antônia Klein Rezende, 48, morreu às 22h55 de terça-feira (22), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), com infecção generalizada após ser internada na segunda-feira (21) com suspeita do vírus Influenza 1 (H1N1).

Reprodução/Facebook

Liane Klein morreu após 2 dias internada

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Saúde informou que foi coletado material genético da paciente e encaminhou para o laboratório central, em Cuiabá, para os exames necessários, seguindo protocolo do Ministério da Saúde. A previsão é que o resultado fique pronto entre 15 e 30 dias.

Ao Gazeta Digital, o secretário municipal de Saúde, Advanilson Sampaio, disse que Liane Klein fazia parte do grupo de risco pelo fato de ser professora, mas que familiares disseram que ela ainda não havia tomado a vacina contra a gripe. O secretário afirma que mesmo com o recebimento parcelado das vacinas, o Município já conseguiu imunizar 82% do grupo de risco (composto por crianças entre 6 meses e 5 anos de idade, idosos, grávidas a partir da 12ª semana de gestação, mães que tiveram bebê em até 45 dias, pessoas com doenças crônicas ou transmissíveis, pessoas privadas de liberdade, população indígena e trabalhadores das áreas de Saúde e Educação).

Questionado sobre a morte de um menino de 2 anos também com suspeita de gripo H1N1, no último dia 16, Adnilson Sampaio afirmou que este caso também não foi confirmado pois aguarda o resultado dos exames. Ele disse que a Prefeitura tem realizado campanhas de conscientização junto à população, por meio dos veículos de comunicação, para tentar prevenir novos casos suspeitos.

Leia também - Prefeitura investiga morte de criança de 2 anos por suspeita de H1N1

Na redes sociais, amigos e familiares demonstram pesar pela morte de Liane Klein. A Prefeitura de Primavera do Leste emitiu nota de pesar e destacou que a servidora pública atuava na Escola Municipal de Ensino Infantil Leandro Vieira Gomes, no bairro Cristo Rei. Ela era formada em Pedagogia, Matemática e especialista em Gestão Escolar e fazia parte do Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar (CDCE). Liane era casada e deixa um casal de filhos e um neto.

Vilmar Kaiser/Agora MT

Nota de esclarecimento

A Secretaria Municipal de Saúde informa que a causa da morte da professora Liane Antônia Klein Rezende, de 48 anos, foi registrada, inicialmente, como infecção generalizada. Não é descartada nenhuma suspeita sobre a causa da morte, por isso a UPA coletou o material para os exames necessários conforme recomendação do Ministério da Saúde. O mesmo material foi encaminhado para o Laboratório Público de Mato Grosso, em Cuiabá, e o resultado é previsto para o prazo de um mês. 

A professora deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) por volta das 13h de segunda-feira (21) e morreu na terça-feira (22) às 20h55.

NOTA DE PESAR

A Prefeitura de Primavera do Leste, em nome dos servidores da Secretaria de Educação e Esportes, lamenta e está solidária aos familiares pela morte da funcionária Liane Antônia Klein Rezende, 48. 

Liane atuava na Escola Municipal de Ensino Infantil Leandro Vieira Gomes, no Cristo Rei. Formada em Pedagogia, Matemática e especialista em Gestão Escolar, era servidora pública na cidade desde março de 2016 e fazia parte do Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar (CDCE). 

O falecimento foi ocasionado por infecção generalizada. Liane era casada e deixa um casal de filhos e um neto. Além disso, ela deixa também, na memória dos amigos da Escola Leandro Vieira Gomes, muitas lições de amor, amizade, profissionalismo, ética e humanidade.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2018 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121