06/05/2018 às 08:30h
Dedé marca e Cruzeiro bate Botafogo para vencer a primeira no Brasileiro

Dedé marca e Cruzeiro bate Botafogo para vencer a primeira no Brasileiro© Getty / Pedro Vilela Dedé marca e Cruzeiro bate Botafogo para vencer a primeira no Brasileiro

Com gol do zagueiro Dedé, o Cruzeiro saiu do Mineirão com a primeira vitória do time no Campeonato Brasileiro, por 1 a 0, após confronto com o Botafogo, na tarde deste domingo. 

 O resultado faz o time celeste respirar um pouco no Brasileiro, agora com quatro pontos. Já o Glorioso, com cinco, está um pouco acima na tabela. 

Duelo equilibrado

O duelo teve certo equilíbrio na primeira parte. No começo, a boa intensidade dos times resultou em boas chances de gol. Lucas Romero deu o primeiro chute cruzeirense, Brenner, o primeiro botafoguense a valer (uma jogada de Igor Rabello, que acabaria em defesa de Fábio, fora anulada).

Aos dez, Thiago Neves chegou perto de abrir o placar. O meia tentou chute alto, mas mandou muito em cima, fora do alcance do goleiro Jefferson.

Aos poucos, o Botafogo foi acertando a marcação. Com intensidade, não dava espaço aos mineiros, que pareciam não conseguir uma saída para a defesa rival.

O bom jogo alvinegro quase rendeu frutos. Leo Valencia cobrou falta por cima da barreira e a bola beijou o travessão, assustando o goleiro Fábio.

Praticamente só Thiago Neves conseguia levar vantagem diante da defesa rival. Aos 29, o meia tentou chute de fora, e Jefferson defendeu. Mais tarde, Thiago Neves mandou para De Arrascaeta na área, e o uruguaio parou no goleiro botafoguense.

Gol de zagueiro resolve

O Cruzeiro tentou acuar o rival na volta do intervalo, mas faltava a definição das jogadas. Eram muitos toques e pouca objetividade. O Bota se defendia bem.

O Glorioso ainda conseguiu jogada com Gilson, pela canhota, para quase abrir o placar. Brenner tentou a conclusão, parando primeiro em Fábio para, em seguida, desperdiçar de novo a chance.

Mano Menezes tentou mudar a movimentação ofensiva com a entrada de Raniel para a vaga de Sassá. O time celeste melhorou, e voltou a ser perigoso.

Raniel conseguiu boa jogada de contragolpe após tabela com Rafinha, e deu trabalho para Jefferson. Na sequência, De Arrascaeta mandou chute perigoso.

Quem acabou conseguindo mandar a bola para dentro foi um zagueiro. Após cobrança de escanteio de De Arrascaeta, Dedé marcou de cabeça o gol que definiu o encontro.

A Raposa teve chances de, no contra-ataque, matar o jogo, mas não conseguiu. O Alvinegro seguiu vivo até o fim, e quase viu o herói virar vilão nos acréscimos. Dedé quase marcou contra, mas Fábio fez a defesa e confirmou a vitória mineira.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2018 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121