05/04/2018 às 07:20h
Raizeiro é flagrado vendendo garrafada supostamente abortiva em Porto Alegre do Norte

Assessoria | PJC-MT

Um idoso de 77 anos foi flagrado por policiais civis de Porto Alegre do Norte (1.125 km a Nordeste) comercializando bebidas supostamente abortivas, na manhã de quarta-feira (04).

Segundo o delegado Marcello Maidame, policiais obtiveram informação, através de denúncia anônima que uma mulher receberia medicação de um raizeiro com efeitos abortivos.

Em monitoramento, a equipe constatou a veracidade da denúncia e presenciou o momento em que o suspeito J.G.S, 77 anos, popularmente conhecido como “Catulé”, realizava a entrega do produto.

Os envolvidos foram encaminhados para a delegacia de polícia. A mulher A.P.A.B. de 24 anos, apresentou documento de confirmação de gravidez e confessou que teria contratado o raizeiro por R$ 500 para preparar a garrafada com raízes abortivas.

O idoso negou os fatos. Ele declarou que foi contratado para preparar garrafada para tratamento de diabetes, utilizando-se como matéria prima as plantas “calunga”, “algodãozinho”, “casca de arueira”, “quina do cerrado” e sumo da “folha do pequi”.

O delegado determinou o encaminhamento das substâncias para a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) para confirmar se as substâncias possuem efeitos abortivos.

Se confirmado o teor abortivo, a grávida A.P.A.B, será indiciada pelo crime de tentativa de aborto provocado com seu consentimento e o raizeiro pelo crime de tentativa de provocar aborto, além do crime de curandeirismo.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2018 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121