04/04/2018 às 11:51h
Wagner reencontra Mineirão e Cruzeiro em nova chance na Liberta

Estádio lotado, Libertadores, jogo decisivo fora de casa... pode ser motivo para muitos garotos do Vasco ficarem nervosos nesta noite, às 21h45, pela segunda rodada da fase de grupos da competição. Mas, se uma parte do elenco joga pela primeira vez uma partida deste tamanho, um dos titulares sabe muito bem onde pisará. Wagner, hoje com 33 anos, era o camisa 10 do Cruzeiro em 2009, ano em que deixaram escapar por pouco o título da competição. E ele jamais esquecerá o momento em que o Estudiantes ergueu a taça diante da torcida celeste em Belo Horizonte.

- Depois daquela derrota, queria parar de jogar futebol. É muito ruim perder uma final de Libertadores, e por vários anos me perguntei por que continuei. Hoje consigo entender que a paixão que tinha, de acreditar que um dia poderia disputar outra final de Libertadores. Venho pra minha 5a participação sei que ainda posso ser campeão - afirma Wagner, que tenta passar a experiência pros mais jovens.

- Quando tudo estiver difícil, peço pra eles não desistirem. Só nós somos capazes de realizar nosso sonho. Se eu não acreditar, quem vai? Contra o Fluminense, conseguimos no último lance. Não vou desistir, tenho 33 anos e vou dar minha vida até o ultimo minuto para beliscar uma Libertadores pelo Vasco.

​Naquela frustração, Wagner cresceu como atleta. Hoje, mais experiente, precisou mudar seu futebol em um estilo mais cadenciado. Se na década passada o fôlego era maior, o nervosismo também era. E com os ensinamentos de 2009, pretende neutralizar a euforia da torcida cruzeirense.

- Era muito garoto, batia falta, pênalti, era camisa 10. Estávamos eufóricos e fomos no embalo da torcida. O Estudiantes teve calma por 90 minutos e foi melhor. No Mineirão, hoje, vai ser difícil, vão estar em maior número, mas precisamos ter calma - diz o camisa 10, que evita lembrar o momento do apito final e sonha com uma nova decisão na carreira.

- Como já passou, prefiro imaginar em São Januário com 25 mil torcedores, comemorando o título da Libertadores. Penso positivo e que a gente dê um passo importante contra o Cruzeiro. Vamos chegar lá.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2018 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121