14/02/2018 às 05:51h
Acompanhado de advogado, ex-marido confessa que degolou mulher e fica solto
FEMINICÍDIO EM JUARA

Rayane Alves GD


Divulgação

Marcelo Sales Pereira confessou à Polícia Civil que matou a ex-mulher degolada e não ficou preso

O pedreiro Marcelo Sales Pereira, 29, suspeito de ter matado a ex-mulher Izabel Aparecida do Amaral, 31, e esfaqueado o namorado dela, se apresentou à Polícia Civil de Juara (709 km a Médio-Norte de Cuiabá) e confessou o crime. Ele procurou a Polícia acompanhado de um advogado na última segunda-feira (12) e não ficou preso já que o perído do flagrante já havia expirado.

A vítima foi degolada enquanto tomava banho na casa dela no dia 7 deste mês. Já o namorado, Magno Aparecido Reato, 33, ficou gravemente ferido e permanece internado. Marcelo invadiu a casa, praticou o feminicídio e fugiu em seguida.

Conforme informações da Polícia Civil, o pedreiro foi ouvido e durante o interrogatório confessou o crime. Ao delegado Carlos Henrique Engelmann, que investiga o caso, Marcelo contou que apesar de ter se separado da ex-companheira ele matinha um relacionamento às escondidas. No entanto, a versão dele foi confrontada e o delegado confirmou que não procede.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121