04/01/2018 às 11:17h
Primeiro preso morto em presídio de GO é identificado pela polícia


O primeiro dos nove detentos mortos durante rebelião na Colônia Agroindustrial de Regime Semiaberto, em Aparecida de Goiânia, na grande capital, foi identificado nesta quarta-feira (3). Pablo Henrique Alves Silva, 21 anos, foi encontrado carbonizado dentro da unidade prisional. A identificação foi possível graças às impressões digitais da vítima.

"Estou desesperada. Era meu único filho. Sei que ele errou, mas ali não é lugar de gente, não. Não é porque ele cometeu um crime que pode acontecer isso. É revoltante", disse, em entrevista ao G1, a mãe do jovem, a dona de casa Damaura Alves de Morais, 65 anos. O rapaz foi preso por furto e já estava detido há dois anos na colônia.

Torturada com colher quente e cigarro, jovem é achada morta no CE

Outros cinco detentos, além de Pablo, devem ser identificados da mesma maneira, conforme a chefe da coordenação criminal do Instituto de Identificação da Polícia Civil, Ana Paula Vicente da Conceição. "Mesmo com os corpos carbonizados, nós aplicamos técnicas de recuperação da digital, pois muitas das vezes, a pele que cobre o dedo é preservada toda ou em parte, o que já possibilita a identificação", explicou ao G1.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Publicidade Nova Visão - CNPJ 07.296.611/0001-78. Jornalista responsável Jose Paulo Batista DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 002121