28/08/2017 às 10:32h
PMDB diz ao Planalto que não vai negociar com Antonio Imbassahy

A atuação do ministro Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo), do PSDB, virou um alvo para as críticas do PMDB quanto a articulação política no Planalto. A censura foi discutida durante um almoço na última quarta-feira (26) com cerca de 15 peemedebistas.

De acordo com a coluna 'Painel', da 'Folha de S. Paulo', a medida fortalece a cobrança por uma substituição na pasta, que vem ocorrendo há semanas. Segundo a reportagem, o partido visa o comando do Ministério das Cidades, hoje liderado por Bruno Araújo (PSDB).

Palocci diz que ex-ministro do STJ recebeu ao menos R$ 5 mi de propina

No entanto, o presidente Michel Temer não deu qualquer indicação de que estuda substituir Imbassahy ou Araújo.

Enquanto isso, Imbassahy se reuniu com o prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) nesta sexta-feira (25), na capital paulista. O assunto principal do encontro é a candidatura da legenda ao Planalto em 2018.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Bem Mais Comunicação - CNPJ 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Jose Paulo DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 2121