13/06/2017 às 11:17h
Wellington Fagundes é citado por empresário à PF

Celly Silva/ GD



O senador Wellington Fagundes (PR) foi citado pelo executivo Ricardo Mesquita, da Rodrimar, em depoimento à Polícia Federal (PF) no inquérito que investiga o presidente Michel Temer (PMDB). O caso repercutiu nesta segunda-feira (12) pela revista Época, que teve acesso aos autos das declarações e aponta o senador de Mato Grosso como um interlocutor do setor portuário, a que a Rodrimar faz parte. 


Em suas tentativas para conseguir a prorrogação da concessão, já com Temer na Presidência, Mesquita teria ficado sabendo que a ampliação dos prazos para contratos anteriores a 1993 estava tendo dificuldades na Casa Civil e acionou Rocha Loures “pretendendo que ele, juntamente com outros interlocutores do setor portuário, como o senador Wellington [Fagundes], agisse para resolver o problema”.Segundo o empresário, a Rodrimar tem um pleito junto ao governo federal pela prorrogação da concessão de exploração de áreas no Porto de Santos, onde o presidente da República possui grande influência. O interlocutor entre Mesquita e Temer seria o ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), o “homem da mala” com R$ 500 mil recebidos da JBS supostamente a mando do presidente.

Um dos encontros com Rocha Loures, em 24 de abril de 2017, uniu, durante as investigações da Operação Lava Jato, a delação da JBS com a da Rodrimar. Isso porque o ex-deputado federal chamou Mesquita para tomar um café, onde estava reunido com Ricardo Saud, diretor da JBS, antes do executivo da Rodrimar chegar. Loures e Saud discutiam sobre pagamento de propina.

Mesquita contou à Polícia Federal que ao chegar na cafeteria em São Paulo, Ricardo Saud os deixou a sós. A conversa dele com Loures “limitou-se à questão que envolvia o marco regulatório do setor portuário”. Posteriormente, Loures teria sugerido à Ricardo Saud que o pagamento da propina fosse feito via Ricardo Mesquita, mas a proposta foi recusada pelo executivo da JBS. 
 

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Bem Mais Comunicação - CNPJ 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Jose Paulo DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 2121