20/05/2017 às 09:25h
Sargento da PM em depressão desfere tiro contra o tórax diante de familiares

Silvana Ribas/GD


Sargento da Polícia Militar tenta suicídio ao fazer disparo com arma de fogo contra o peito. Familiares chegaram a acionar o policiamento especializado, que mesmo tentando demover o sargento Tungstenio Peres Ferreira, 43, não conseguiu impedir que tentasse contra a própria vida.

Tentativa de suicídio ocorreu na madrugada deste sábado (20), em uma chácara na região do Altos da Glória. Segundo relatos da família, o militar, que é terceiro sargento, chegou em casa agressivo e depois de quebrar uma cadeira entrou em seu quarto e imediatamente colocou sua arma de fogo contra cabeça. Falou que não queria que ninguém se aproximasse.


Equipes do policiamento especializado Bope e Rotam, além do Samu, foram acionadas e tentavam convencer o militar a não cometer o ato, conversando através da janela do quarto, que estava fechada. Mas uma vez ele aceitou conversar somente com o cunhado, mas em dado momento, apertou o gatilho da arma quando ocorreu o disparo que o atingiu na altura do tórax.
Depois de muita insistência da família, ele aceitou conversar com o cunhado. Muito triste, durante a conversa revelou que passava por problemas familiares e que por isso iria tirar a própria vida. Durante a conversa o sargento mantinha a arma apontada contra cabeça, o tempo todo.

Após o disparo equipe do Samu iniciou o atendimento e a remoção para o Pronto-socorro da Capital. Não há informações recentes sobre o estado de saúde do militar. 
 

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Bem Mais Comunicação - CNPJ 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Jose Paulo DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 2121