12/04/2017 às 05:47h
Audiência debateu Plano de Saneamento Básico de Colíder


Ângela Fogaça

Foto/Lázaro Nunes Assessoria



Foi realizado hoje no Centro de Eventos, a audiência pública para elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB). O prefeito Noboru Tomiyoshi participou da abertura do evento, juntamente com o secretário de Infraestrutura Hiran Sales e o secretário de Saúde, Rafael Bosco.

A audiência contou ainda com a participação de vereadores, representantes da Funasa e Secretaria de Estado das Cidades, além da sociedade em geral.  A implantação do plano atende a Lei Federal 11.445, sancionada em 2007, que estabelece diretrizes nacionais para o saneamento básico e define que os responsáveis por esses serviços sejam os municípios.

O prefeito Noboru Tomiyoshi, disse que o trabalho envolve toda a comunidade, para que possa fazer um planejamento ecologicamente correto, dentro das normas existentes para poder planejar Colíder pelos próximos 20 anos.

Ele pontuou que Colíder sai na frente de muitos municípios por já ter um aterro sanitário licenciado para a destinação correta dos resíduos sólidos produzidos na cidade. “Temos um compromisso com a Sema e a Funasa de tornar o aterro de Colíder modelo de aterro público”, garantiu.

O secretário Hiran Sales, explicou que técnicos e engenheiros da UFM, já pré formularam o plano, e essa audiência serve para que sejam implementadas as sugestões da comunidade no que diz respeito aos processos de abastecimento de água potável, esgotamento sanitário, manejo de resíduos sólidos e drenagem e manejo das águas pluviais urbanas. “Passamos as informações e eles fizeram o diagnóstico. Vamos discutir agora e em julho será feita a apresentação final do plano. Esse plano vai orientar os gestores pelos próximos 20 anos, no que se refere ao saneamento básico. Um dos objetivos é esse, orientar para a melhor aplicação dos recursos. Em breve, o município que não tiver o PMSB não vai receber recurso federal”, pontuou.

Gilson Passos, engenheiro da UFMT é o responsável pela elaboração do plano em Colíder. Ele explicou que em 2014 foi assinado um convênio entre 106 municípios no Estado de Mato Grosso para que a universidade, juntamente com a equipe executora, possa elaborar os planos. Na audiência, ele apresentou o que foi levantado e as propostas de melhorias para o saneamento dentro dos próximos 20 anos. O problema do sistema de abastecimento de água foi um dos pontos levantados. Veja a reportagem em Vídeo


 

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Bem Mais Comunicação - CNPJ 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Jose Paulo DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 2121