16/03/2017 às 06:54h
Aron Dresch derrota sucessor de Orione e vai comandar FMF

Welington Sabino/ GD


Divulgação
Aron Dresch venceu a eleição da FMF por 22 votos contra o atual presidente João Carlos

O empresário Aron Dresch, presidente do Cuiabá Esporte Clube, foi eleito nesta quinta-feira (16) o novo presidente da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF) por 22 votos. Ele disputou contra o atual presidente da FMF, João Carlos Oliveira Santos, que foi derrotado com 15 votos.

Tiveram direito a voto os clubes da primeira e segunda divisão além de presidentes de 6 ligas municipais. Somente a diretoria do Sinop que não teve direito a voto. O presidente da FMF recebe um salário de R$ 25 mil por mês que é pago pela Comissão Brasileira de Futebol (FBF). O mandato para o cargo tem duração de 4 anos.

A Justiça de Mato Grosso chegou a suspender, na semana passada, o edital para as eleições do cargo de presidente da Federação Mato-grossense de Futebol a pedido do candidato Ussiel Tavares que alegou falta de transparência e um prazo muito curto para a inscrição das chapas.

A chapa Renovação, encabeçada por Aron Dresch acusou João Carlos Oliveira de realizar uma manobra às vésperas do feriado de Carnanval para tentar ser reeleito sem que houvesse tempo para formação de chapas adversárias. A eleição estava marcada par ao final do mês e foi antecipada para o dia 16. 

De todo modo, a decisão foi revertida, a eleição foi realizada e Oliveira acabou derrotado. No entanto, ele já antecipou que vai recorrer do resultado para tentar continuar na presidência da Federação. João Carlos Oliveira sucedeu o comando de João Carlos Orione que ficou quase 40 anos à frente da Federação Mato-grossense de Futebol e morreu no ano passado. Seu mandato termina em maio deste ano quando terá que dar dar posse à nova diretoria.

Por sua vez, Aron Dresch é presidente do Cuiabá desde 2013 e conquistou o tricampeonato estadual, uma Copa Verde, além do título da Copa FMF Sub-21. Agora, para assumir a presidência da Federação em maio terá que deixar o comando do Cuiabá Esporte Clube, pois antes mesmo de confirmar sua candidatura já havia informado que não seria possível acumular as 2 funções.

Para Aron Dresch, o resultado da votação expressa o desejo comum dos dirigentes dos clubes em renovar a administração da FMF e garantir um futuro sólido, pautado por mudanças necessárias e que direcionem o futebol mato-grossense aos padrões de excelência e qualidade que o esporte exige. “Vamos trabalhar com profissionalismo e transparência”, disse.

A chapa de Aron Dresch é composta pelo presidente do Sinop Esporte Clube, Agnaldo Turra, como 1º vice-presidente. Também por Márcio Pardal, que é diretor do Mixto. Pelo diretor do Cacerense, Márcio Lacerda e Sandro Roberto da Silva, que é presidente da Liga Amadora de Nova Bandeirante.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Bem Mais Comunicação - CNPJ 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Jose Paulo DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 2121