07/03/2017 às 10:38h
MPE defende que Taurus indenize o Estado

O promotor de Justiça Mauro Zaque defende que a empresa Taurus, responsável pelo fornecimento das armas de fogo utilizadas pela Polícia Militar de Mato Grosso, seja obrigada a ressarcir financeiramente o Estado diante das seguidas falhas nas pistolas Taurus 640.

“Mato Grosso está experimentando um prejuízo considerável com a utilização dessas armas. O Estado tem que mandar essas armas para fazer recall direto e neste período os policiais ficam desarmados”, detalhou.

Zaque conduz há mais de um ano um inquérito civil que investiga as seguidas falhas no armamento da Polícia Militar. De acordo com o promotor de Justiça, o inquérito civil já está concluído e a empresa fabricante dos armamentos deverá ser responsabilizada.

“Estamos em contato com a Taurus, que é a empresa fabricante para dialogarmos e assim encontrar uma saída. Afinal, entendemos que Mato Grosso deve ser ressarcido pelos prejuízos que tem acumulado em razão do uso deste armamento”, disse.

Uma das falhas notórias da pistola Taurus se deu em agosto de 2016 no bairro CPA III quando o policial militar Élcio Ramos Leite foi morto com tiros na cabeça após sua arma falhar numa ação policial.

Na semana passada, um policial militar sofreu um acidente após a pistola disparar acidentalmente e atingir um dos seus testículos. No total, já são oito acidentes com este modelo de armamento.

Para que seja feita a substituição do armamento, o promotor de Justiça Mauro Zaque defende a criação de uma comissão envolvendo agentes da segurança pública e Ministério Público para discutir o melhor modelo de armamento.

“Nós trabalhamos para evitar que o nosso policial tenha em suas mãos um armamento de baixa qualidade, o que vai interferir não só na atuação dele enquanto policial, no risco de vida dele, como no risco de vida para o próprio cidadão, que o policial tem o dever de proteger”, concluiu.

Espalhe por ai:
Link:
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2017 - Bem Mais Comunicação - CNPJ 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Jose Paulo DRT MT- 000273 - Solange Priscila DRT MT- 2121